Desapego (Evelyn Postali)

Olhava para as uvas penduradas. Para a água depositada em algumas folhas. O pingo preso ao último grão do cacho. Da vidraçaria, enquanto observava o parreiral nos fundos da casa do morador do meio da quadra contabilizava o sustento. Tudo na ponta do lápis. A matemática era simples.

Anúncios

Desapego (Evelyn Postali)

Olhava para as uvas penduradas. Para a água depositada em algumas folhas. O pingo preso ao último grão do cacho. Da vidraçaria, enquanto observava o parreiral nos fundos da casa do morador do meio da quadra contabilizava o sustento. Tudo na ponta do lápis. A matemática era simples.

Fonte: Desapego (Evelyn Postali)

(Publicado originalmente no grupo Entre Contos do Facebook)

Manobra (Evelyn Postali)

Perceberam estar no âmago da nuvem de gás. A descoberta daquele ponto central limpo, sem turbulência serviria para estabilizarem o sistema. O momento era delicado. O engenheiro estipulara uma abord…

Fonte: Manobra (Evelyn Postali)

Capítulo Final (Evelyn Postali)

Enquanto escrevia o capítulo final, o cheiro almiscarado perpetuou a lembrança da visita à catacumba do pai. Em gesto iracundo, totalmente avesso ao que pretendia, matou outra vez. Dessa feita, o p…

Fonte: Capítulo Final (Evelyn Postali)

Chá? (Evelyn Postali)

Ouviu a campainha. “Hora de zarpar…”, lembrou-se da viagem. “Quando mesmo?” Levantou com a ressaca martelando. Calçou as pantufas. Abriu a porta e apertou os olhos – inútil tentativa de prote…

Fonte: Chá? (Evelyn Postali)

Microconto policial

Microconto policial

O assassinato de Lola, a tartaruga espanhola, era uma salada de confusão envolvendo o delegado Cardoso, um jacaré vindo de Miami, e o promotor, seu rival, Vegas, uma lebre que se tornara famosa pela prisão de Ubino, o javali serial … Continuar lendo

Julgamento

Julgamento

Osíris, sentado ao trono, olhava para o Curupira à sua frente. A julgar pelo desequilíbrio constante da balança, não seria nada fácil. — Não sei de nada disso, não, senhor. Essa tal escatologia, aí. Coisa mais estranha de se dizer… … Continuar lendo

Advento (Evelyn Postali)

Inundado de satisfação, o General prostrou-se aos pés da criatura fantástica surgida do portal dimensional. A devoção plena emergiu da resiliência. O poder domou suas entranhas e o fez reiterar sua…

Fonte: Advento (Evelyn Postali)

Ritmo (Evelyn Postali)

O turno terminava. Sacudiu o pó do macacão ao som do hip-hop. A música o transformava. Guardou a alicate e a chave inglesa. Ajeitou as ferramentas na caixa. Seguiu com seu swing pela periferia, pas…

Fonte: Ritmo (Evelyn Postali)