Despedida (Evelyn Postali)

Micro Estórias

Com um olhar suplicante, mas impotente, ele a viu partir. Ela jogou um beijo discreto e acenou da janela. Seguiu a pé da rodoviária para casa, tentando acalmar a revolução que bagunçava por dentro todos os sonhos e planos. Agora, tudo por dentro era meio cinza, feito um terreno baldio. A única coisa que restava era a lembrança do sabor do beijo de Isabela, parecido com o mel das abelhas criadas junto a plantações de assa-peixe.

Ver o post original

Anúncios

2 pensamentos sobre “Despedida (Evelyn Postali)

  1. Estreando aqui no seu blog. Microcontos são mesmo apaixonantes. Vivi com o rapaz a partida de Isabella, mas senti, muito mais forte, os passos dela se afastando. Um conto em que se torce pelos personagens, ainda que saibamos tão pouco sobre eles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s