Microconto

devolvo o casco amanhã

Ao passar pelo cruzamento, avistou a encomenda. A garrafa dando mole. Cachaça grátis. As flores, levaria para a mulher, para compensar a hora. Antes de tomar rumo, porém, por desencargo de consciência, rabiscou a mensagem no concreto do muro usando o pedaço de carvão que encontrara. “Devolvo o casco amanhã.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s