Pulso

Pulso

  Como chegara àquela encruzilhada? Com a arma em punho apontada para Max, ouviu a própria respiração enquanto o pulso tremeu de leve ao experimentar o peso da pistola. Aquele seria o momento propício para romper a linha tênue entre … Continuar lendo

A Arca das Palavras

A Arca das Palavras

Terra, Continente do Norte, 2-988. Registro midiático 10950. O objeto foi deixado a mim por alguém conhecido de minha mãe, com indicação expressa: abri-la em meu trigésimo aniversário. Se eu não a estivesse tocando, não acreditaria. Uma arca, assim como … Continuar lendo

Divulgação

Está aberta a temporada 2019 de contos cabulosos!

 

Para você saber mais, ler e também participar, basta acessar o link AQUI!

O site do Leitor Cabuloso é um dos melhores. Siga-o também no INSTAGRAM.

Então, fica a dica!

Beijos!

Mulheres em Verbo

Mulheres em Verbo

Já está no ar a campanha de financiamento coletivo para a publicação da antologia Mulheres em Verbo, de autoras do Projeto As Contistas, da Caligo Editora. São 19 textos maravilhosos, cada escritora escolheu um verbo para produzir um conto sobre … Continuar lendo

Antologia saindo…

Antologia saindo…

  Antologia de contos organizada pela Bianca Machado da Editora Caligo. Uma coletânea de contos maravilhosos escritos por mulheres talentosas do grupo AS CONTISTAS. Tenho o prazer de participar com um conto. A capa é de minha autoria. Foto tirada … Continuar lendo

Back to Home

Back to Home

Nota: Imagem de Renatha-Gomes.deviantart.com on@DeviantArt _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ Teddy bears. Music box. Storybooks. She grows to become flesh and bone until she gains height, until she shed tears for the first time. … Continuar lendo

Antologia Devaneios Improváveis

Antologia Devaneios Improváveis

Tem conto meu na 5ª edição da Antologia EntreContos. “Eis que disponibilizamos hoje, a pedidos, a versão e-book da V Antologia “Devaneios Improváveis”, com diversos dos contos que se destacaram nos desafios do anos de 2017. Basta escolher o formato … Continuar lendo

Desafio no blog As Contistas

Está acontecendo um desafio baseado em  imagens no blog As Contistas. Textos chegando para leitura e avaliação. Participe lendo e comentando AQUI!

Imagens-base para escrita dos participantes:

 

A linha tênue

A linha tênue

Arrastava a corda pelo chão. Descalça, sequer incomodava-se com a grama espinhenta, a brotar da terra por todos os lados, como lanças esperando pela queda de algum desavisado, estalando ao toque dos pés, crepitando como as labaredas da pequena fogueira … Continuar lendo

Um céu diferente

Um céu diferente

Sonhava com a Terra e lá estava, em meio a terráqueos, em um disfarce perfeito, em integração harmoniosa com engenheiros, técnicos aeroespaciais, toda a sorte de cientistas, pesquisadores. A cereja do bolo. Já pensava em expressões usadas pela raça humana. … Continuar lendo

Promessa

Promessa

  ooh I need the darkness, the sweetness, the sadness, the weakness, ooh I need this. Need a lullabye, a kiss goodnight, angel, sweet love of my life ooh I need this¹ Irmãos caríssimos, reunimo-nos com alegria para participarmos nesta … Continuar lendo

Promessa – Evelyn Postali

Promessa – Evelyn Postali

Novo conto no blog AS CONTISTAS. Confere: Promessa. Escrito tempos atrás, falando sobre encontros e despedidas, de um tempo que começa e de um tempo que se acaba, dos novos começos e dos finais como recomeços, porque amores são eternas … Continuar lendo

Teresinha dos anéis de Saturno

Teresinha dos anéis de Saturno

Conheçam Teresinha, uma jovem mulher cheia de vida, de sonhos e anéis de vento e pó de estrelas do céu de Saturno. Uma homenagem às mulheres que a vida envelhece, maltrata, mas que, apesar de tudo, carregam coragem e amor … Continuar lendo

A Princesa e o Demônio da Garrafa

A Princesa e o Demônio da Garrafa

Em A Princesa e o Demônio da Garrafa, nos deparamos com um Brasil sob o domínio de um ditador, onde os fatos históricos presentes na História seguiram por um caminho tenebroso. Em vez da instituição da República como conhecemos, uma … Continuar lendo

Os Desafortunados

Os Desafortunados

  A galeria estava cheia, mas ela reparou no homem, no momento em que ele entrou, batendo as mãos no sobretudo de lã na tentativa de tirar a água e impressão de ter buscado abrigo casual, fugindo do aguaceiro que … Continuar lendo

As Irmãs

As Irmãs

  AS IRMÃS ABRIL 23, 2018 Vivia e trabalhava em Adrogué, cortando a grama de pequenas residências. Foi aí que comecei a concordar com Luciana, a menina que acreditava em coisas estranhas, sobrenaturais. Nos fundos de um chalé quase morto, … Continuar lendo