Fuligem

Fuligem

Ao ser transferida para Porto Alegre, Estela Lopes, uma policial civil, não pensara encarar um parceiro machista, um crime não resolvido e um jornalista pentelho. Conhecer Alexandre Medina e Benjamin Müller torna a vida profissional e pessoal de Estela um … Continuar lendo

Microconto

Microconto

  “Hora de zarpar…”, lembrou-se da viagem. “Quando mesmo?” Levantou com a ressaca martelando. “Gymnopilus, Hypholoma, Inocybe, Mycena…” Calçou as pantufas. Abriu a porta e apertou os olhos – inútil tentativa de proteger o cérebro da luz. O, até então, … Continuar lendo

Nara

Nara

  — Vem, Nara! Vem! — Ele a puxava pela camiseta, insistente. — Vem brincar! Vamos subir. Aquele garotinho, conquista recente do parquinho e dono de um sorriso irresistível, não tinha mais do que oito anos e ela, mesmo não … Continuar lendo

Microconto

Microconto

  — O que diremos? — Olhos amedrontados falavam bem mais alto que a voz trêmula. — A verdade, Patrick. Ele pegou a trilha do desfiladeiro. Nós pegamos a trilha da montanha. Esperamos por ele na cabana. Ele não apareceu. … Continuar lendo

Microconto

Microconto

Não se contentou com a missão que lhe tinha sido dada por Noel. Ficar entre as enciclopédias era um tédio para um elfo feito ele. Ao avistar o grupo de anões passando, não hesitou. Caiu na gandaia. Passou o Natal … Continuar lendo

Microconto

Microconto

Cada coluna erguida, arco construído, ou detalhe profano que materializava, fazia da profissão um ritual. A esperança de realizar o maior e mais ambicioso sonho ressurgia a cada novo detalhe do projeto. Como arquiteto e homem além de seu tempo, … Continuar lendo

Microconto

Microconto

Ao passar pelo cruzamento avistou a encomenda. A garrafa, dando mole. Cachaça grátis. As flores, levaria para a mulher, para compensar a hora. Antes de tomar rumo, porém, por desencargo de consciência, rabiscou a mensagem no concreto do muro, usando … Continuar lendo

Os Varais

Os Varais

  OS VARAIS NOVEMBRO 07, 2017 Traduzido por: Evelyn E. Postali   As luzes da casa apagaram. As cortinas se fecharam apressadas. A senhora vestiu luto. Maca, a senhorita, também. Os raios de sol, às vezes nos lembravam de que havia vida lá fora, … Continuar lendo

Páginas do Imaginário – Contos Fantásticos

Páginas do Imaginário – Contos Fantásticos

A humanidade escreve sobre humanidade. Não existe outra forma de entender o mundo senão através do entendimento do humano, do que nos diz respeito ou nos devora. A literatura, oral ou escrita, sempre envolveu o ser humano com ações heroicas, … Continuar lendo

Microcontos 71-75

Microcontos 71-75

71 Enquanto escrevia o capítulo final, o cheiro almiscarado perpetuou a lembrança da visita à catacumba do pai. Em gesto iracundo, totalmente avesso ao que pretendia, matou outra vez. Dessa feita, o personagem principal. Sentou-se à janela, para contemplar as … Continuar lendo